HATERS E REDES SOCIAIS: Quais Violências simbólicas prevalecem no discurso de ódio direcionado a figuras de destaque?

Tcc
Typography

RESUMO

Esta monografia discute a problemática do discurso de ódio nas redes sociais na internet (RSI), com o objetivo de propor uma reflexão acerca deste problema, em face de seu expoente crescimento. Para discutir o assunto, foram selecionados casos de ataques de ódio, direcionados a três figuras de destaque na mídia: Taís Araújo, Marisa Letícia e Paulo Gustavo. Em todos eles registrou-se a atividade daqueles que este trabalho chamará de haters. Haters que, através de publicações deixadas em duas redes sociais distintas, os agrediram moralmente, deixando em evidência a sua intolerância. Os registros agressivos indicados foram analisados de maneira qualitativa, valendo-se dos conceitos de violência simbólica e estigma, visando a identificação da natureza destas violências, assim como as suas possíveis motivações. Indiretamente, traçou-se também um provável perfil destes agressores. 

Palavras-chave: redes sociais; haters; discurso de ódio; violência simbólica; estigma.