Notícias Recentes

         Cada vez mais o vôlei está presente em nossas vidas, por exemplo, em campeonatos escolares e profissionais, além de atividades de lazer. O esporte vem ganhando força no Brasil, por influência e participação de grandes atletas, como o ex-jogador da Seleção Brasileira, Giba.

         Muitas instituições de ensino vêm participando de campeonatos escolares anuais. É o caso do Colégio Chromos – Unidade Eldorado, da treinadora Natascha Stephanie, 25 anos, que treina as equipes sub-14 e sub-17. Há dois anos no cargo, ela afirma: “Com a participação nos campeonatos, temos como principal objetivo o aprendizado da vitória, da derrota, dos erros, dos acertos, do respeito ao adversário, da superação de limites, entre outros.”

       

         A rotina dos jogadores de nível profissional é muito diferente, especialmente quando campeonatos se aproximam. De acordo com o jogador do Sada Cruzeiro, Vitor Henriques, 19 anos - no primeiro ano do juvenil e jogando em Juiz de Fora, emprestado para participar da Super Liga A - "o dia é cansativo, treinamos em dois períodos da manhã e da tarde e temos academia também, cada treino dura duas horas e meia. Em véspera de campeonato, os treinos ficam mais intensos, às vezes treinamos nos finais de semana".

 

Sign up via our free email subscription service to receive notifications when new information is available.
Advertisement